Como tratar obesidade canina (Método Comprovado)

A convivência do cachorro com o homem fez com que ele absorvesse alguns de nossos hábitos ruins como a falta de exercícios físicos e a má alimentação. Isto ocasionou a obesidade canina. Descubra agora como tratar deste terrível problema!

O maior culpado pela obesidade canina

cachorro obeso

Na maior parte das vezes, a culpa é 100% do dono, por não dosar corretamente a comida do cachorro e por não proporcionar nenhum tipo de atividade física, como brincadeiras e passeios.

Existem outros fatores que podem ocasionar a obesidade canina, como problemas hormonais, problemas genéticos e até mesmo a castração.

Problemas ocasionados pela obesidade canina

Cães obesos estão mais propensos que os outros cães a desenvolverem doenças como diabetes, problemas respiratórios, problemas cardiovasculares, dores nas articulações, rompimento de ligamento, além do cão se cansar facilmente.

Como saber se o cachorro está obeso

cachorro na balança

Estas são algumas características que indicam que seu cachorro pode estar acima do peso:

  • Quando não é possível identificar visualmente a cintura do cachorro olhando ele por cima.
  • Quando as costelas do cachorro não podem ser vistas e nem sentidas pelo toque.
  • Quando cachorro possuí dificuldade para se locomover.
  • Quando a barriga do cachorro está maior que a região do tórax quando olhado de perfil.

Tratamento

O tratamento para cães obesos envolve uma dieta bem equilibrada e exercícios físicos, o indicado é que se procure um veterinário para que ele possa analisar a situação do cachorro e passar todas as recomendações de alimentação e exercícios.

Alimentação

cachorro obeso com vasilha cheia de ração

Para tratar a obesidade canina deve-se focar, principalmente, na dieta do animal. Uma alternativa é a ração light. A ração light para cachorro foi desenvolvida exatamente para controlar o peso do cão. Por possuir um baixo teor calórico e conter ingredientes que proporcionam a queima de gordura, esta ração é excelente para cães que precisam perder peso.

Veja alguns exemplos de ração light para cães:

Ração Natural Light - Guabi

ração natural light guabi

Ração Light - Premier

ração light premier - cães adultos

Ração Light - Royal Canin

ração light royal canin - cães grandes

Além da ração, também é possível fazer uma dieta através da alimentação natural, porém neste caso, você precisará montar um cardápio leve onde contenha todos os nutrientes necessários para a alimentação do cachorro. É importante salientar, que apenas diminuir a quantidade de comida do cachorro, não adiantará. Deixar o seu cachorro com fome não fará com que ele emagreça e sim causará mais problemas.

Exercício

cachorro obeso correndo na praia

O segundo fator importante para tratar a obesidade canina, é a atividade física, que pode ser realizada através de brincadeiras ou passeios. Um ponto importante é não exagerar na dose, pois de nada adiantará fazer seu cachorro correr uma meia maratona em 1 hora, isso só prejudicará a saúde do animal.

O indicado é que você exercite o seu cachorro diariamente e por um período que não seja muito longo, pois na situação em que o cão se encontra ele se cansa facilmente. Por isso, o mais importante, neste momento, é a regularidade e não a quantidade.

Agora, você já sabe como identificar e tratar a obesidade canina. Coloque as dicas que você aprendeu aqui em prática e logo, logo você terá um cachorro supersaudável. Conhece algum amigo que está passando por este mesmo problema? Compartilhe esta página com ele, certamente ele irá te agradecer.

Saúde Obesidade

Atualizado em 17/12/2018

Escreva seu comentário


Está tendo problemas com seu cachorro?

Faz xixi e cocô por toda casa?

Come chinelo e outros objetos?

Late durante a noite toda?

Saiba agora como acabar de vez com estes problemas!

capa manual do criador de cães


O Gestor Animal é o lugar certo para solucionar todas as dúvidas sobre cães!

facebook gestor animal instagram gestor animal rss gestor animal